PARLAMENTOS

Ricardo Ayres requer que BRK Ambiental explique composição do reajuste nas contas de água

O deputado estadual Ricardo Ayres (PSB) deu entrada na Assembleia Legislativa, na tarde desta terça-feira, 19, em um requerimento, em regime de urgência, cobrando que a empresa BRK Ambiental e a Agência Tocantinense de Regulação – ATR apresentem as eventuais justificativas e forneçam as devidas explicações sobre o reajuste da tarifa cobrada para coletar, tratar, distribuir e dar manutenção nos serviços de água no Estado do Tocantins. Segundo a resolução publicada os reajustes podem ultrapassar os 21% e já estão previstos para entrar em vigor no mês de novembro.
 
Segundo Ayres, é necessário que a população do Tocantins tenha explicações de como se chegou a esse aumento “exorbitante”. O parlamentar ainda acrescentou que teme pelo impacto desse reajuste no orçamento das famílias tocantinenses, principalmente em um momento financeiro tão complexo pelo qual estamos passando. “A nossa população não aguenta mais pagar uma conta cara, de um serviço que muitas vezes ainda deixa a desejar, para não dizer ineficiente. Reajuste que ainda vem um momento crítico, onde todos lutam para se reestruturar passado os momentos mais críticos da pandemia da Covid-19”, ressaltou.
 
Transparência
O deputado ainda questionou que falta transparência para a população sobre a composição tarifária da BRK Ambiental e de como se chegou a esse percentual de reajuste. “A BRK Ambiental é concessionária de um serviço público essencial, o mínimo que ele deve fazer é prestar contas para a população tocantinense”, concluiu.  


Participe do nosso grupo do WhatsApp




VEJA TAMBÉM



PARLAMENTOS  |   01/12/2021 10h01





PARLAMENTOS  |   01/12/2021 08h24


PARLAMENTOS  |   01/12/2021 08h06

Palmas - TO