CREA-TO

Crea-TO acompanha recuperação de trecho da BR-153 que cedeu no KM236
O incidente foi registrado na virada do ano, entre Colinas do Tocantins e Nova Olinda, mas já encontra-se com tráfego normalizado

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Tocantins (Crea-TO) está acompanhando de perto a situação da principal rodovia que corta o Tocantins, a BR-153, que devido às fortes chuvas registradas no estado, começou a ceder na altura do KM-236, entre as cidades de Colinas do Tocantins e Nova Olinda. 

Durante esta semana, o Superintendente Institucional do Crea-TO, Fred Guerra, à pedido do Presidente Daniel Iglesias, esteve na sede da Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) para reunir-se com o Superintendente Regional do DNIT, Flávio Ferreira de Assis, e o Chefe do Serviço de Manutenção Terrestre do DNIT, Renê Oliveira. 

Durante a reunião, foi informado pelos representantes do DNIT que, logo que tomaram conhecimento do incidente, atuaram com medidas emergenciais para garantir a trafegabilidade e a segurança dos motoristas e passageiros. “Nossa equipe técnica realizou o reparo em cerca de 24 horas, sem interdição total da pista”, disse o Superintendente do departamento, Flávio Assis. E complementou informando que este ano as chuvas vieram com grande volume pluviométrico e alguns meses mais cedo, o que tem tornado a manutenção rodoviária um grande desafio.

O Crea-TO atuou ainda com um envio de um fiscal da Inspetoria de Araguaína, que verificou que a obra foi realizada respeitando a documentação exigida da empresa executora e que já estava 100% finalizada, com trafego normalizado no local.

Para o Presidente do Crea-TO, o Engenheiro Civil Daniel Iglesias, o Conselho está cumprindo seu papel fiscalizador, garantindo a segurança da sociedade. “Nessa gestão optamos pelo Crea não se omitir nas questões de segurança e bem estar da sociedade. Casos como este têm sido acompanhados de perto por nossas equipes técnica e de fiscalização, para inspecionar a atuação das instituições ligadas a engenharia, como é o caso do DNIT que tem enorme importância estratégica e social, a quem parabenizo pela rápida atuação”, disse.




Participe do nosso grupo do WhatsApp




VEJA TAMBÉM